facebook

ENCONTRE UM ARQUITETO

em somente 3 minutos!

Quando a agricultura urbana redesenha as cidades!

Numa paisagem urbana, pode ser difícil encontrar suficientes espaços verdes para formar somente um com a Mãe Natura.

Se atualmente, 58% da população mundial vive nas cidades, esta percentagem pode vir a ultrapassar os 80% em 2050 conforme as estimativas da ONU.

 As hortas no telhado, as quintas verticais, os jardins obreiros do século passado ou ainda bunkers agrícolas, o “urban Farming” ou ainda a agricultura urbana está por todo o lado, mas como defini-la? A agricultura urbana tem como objetivo criar uma agricultura que esteja mais dirigida às cidades. Usa os recursos, os detritos e uma mão-de-obra urbana.

 Os objetivos de uma agricultura urbana rodeada por 3 exemplos:

1- Tornar a cidade em algo mais durável 

Os projetos da agricultura urbana têm como primeiro objetivo reduzir as distâncias de transporte dos produtos agrícolas e produzir alimentos de qualidade.

Quando a agricultura urbana redesenha as cidades!

Fotografia: Horta no telhado “Agro Paris Tech”

Fonte: agroparistech.fr

Além de participar no desenvolvimento dos circuitos curtos, esta horta é um ecossistema por ele mesmo com a recuperação, a reciclagem e a gestão dos ecossistemas. Os detritos urbanos produzem um composto utilizado para facilitar as culturas enquanto os vermes, insetos e cogumelos contribuem para manter e nutrir os chãos e a biodiversidade. Este espaço produz também um ilhéu de calor.Um dos objetivos, talvez seja uma parte um pouco idílica da agricultura urbana, é fazer com que a cidade seja autossuficiente. 

 2- Tornar a cidade em um lugar autossuficiente

Um dos objetivos, talvez seja uma parte um pouco idílica da agricultura urbana, é fazer com que a cidade seja autossuficiente.

O primeiro limite de este objetivo é a falta de espaço: de facto, a agricultura ocupa espaços e as cidades não transbordam de campos... Portanto, também podemos falar sobre a noção de “vertical farming”. Como o seu nome indica, a agricultura vertical permite criar um espaço agrícola ao longo do edifício apanhado na sua verticalidade. Este tipo de agricultura permitiria dar plena e inteira visibilidade à luta contra a pobreza no desenvolvimento económico da cidade.

3- Interação social, educação e lazer 

O último objetivo é a sensibilização usando as estruturas urbanas das crianças, dos estudantes para criar um espaço de interação social e um espaço de lazer.

Quando a agricultura urbana redesenha as cidades!

Para todas as suas obras de organização de jardim, encontre os arquitetos da sua região em Encontrar-Meu-Arquiteto

artigos semelhantes



Você é um arquiteto ?

e gostaria de aparecer no nosso site ?

Contacte-nos !